Quarta-feira, 16 de Fevereiro de 2005

Aquela sensação de absorção... nos bolsos

Acabaram de me informar que um Mini One custa, na Alemanha, 14 mil euros. Em Portugal, o mesmo carro custa 20 mil.

Estive a fazer umas contas... metia-me no meu merc, dava um salto à Alemanha, trocava o carro por um mini e depois legalizava-o. Restava-me saber quanto pagaria por legalizar o carro em Portugal e a minha aposta ia para que acabava por poupar uns trocos.

Mas legalizar o carro em portugal custa mais de 5 mil euros em Imposto Automóvel. Fazendo saltar o preço do Mini para 19 mil euros... e depois... ainda leva IVA em cima, ficando em mais de 22 mil euros.

Se juntarmos a isso a gasolina necessária para levar um Mercedes até à Alemanha e trazer um Mini até portugal, a coisa nunca me ficaria por muito menos de uns bons 23 mil euros.

Ainda por cima, o One nem é o modelo que eu quero...

Assim, eu gostaria que o próximo governo eliminasse o IA, ficando os carros APENAS sujeitos a IVA. Isto acabaria com a ILEGALIDADE que é ser-nos cobrado um imposto sobre outro imposto e daria aos portugueses a hipótese de terem melhores carros.

Caso o novo governo não faça isso, então gostaria de os ver todos mortos a tiro em praça pública. Sejam lá de que partido forem.

Odeio esta república das bananas!
publicado por pedrocs às 16:20
link do post | comentar | favorito
|
5 comentários:
De Anónimo a 1 de Março de 2005 às 13:52
Meus amigos, tive a sorte (ou infelicidade) de estar 13 anos ligado ao ramo automóvel. Ao ver um comentário que diz que os carros maiores são mais pluentes... simplesmente ignoro, nota-se que são pessoas com fraco conhecimento. Em relaçãob ao número de carros por pessoa... ou se tem um mercedes, à pessoa que disse isso só posso responder com um (e não tenho mercedes) "se queres ter aquilo que eu tenho, trabalha aquilo que eu trabalho"! De resto, sim senhor, abolir o IA, não é ilegal, o mal é ser anti-constitucional (grande palavra) pagarmos imposto sobre imposto (IVA sobre IA). Mas olhem, tou farto de carros até aos olhos. Que se lixe. Gostei do blog, vou voltar.Pescas
(http://pescasblog.blogs.sapo.pt)
(mailto:jota_ferreira@hotmail.com)
De Anónimo a 28 de Fevereiro de 2005 às 21:20
Ah, sim, e não achas que os Portugueses já têm demasiados carros? Um por família (2 a 5 pessoas) parece-me bastante bem. Já não se aguenta o trânsito e o preço dos estacionamentos, meu!zabvenie
</a>
(mailto:zabvenie@iol.pt)
De Anónimo a 28 de Fevereiro de 2005 às 21:18
Amigo, EU cá tenho um Ford Fiesta 1100 de 1992, meio escafeado e não me queixo, e tua tás para aqui a lamentar-te que em Portugal é mais caro trocares o teu Mercedes por um Mini One do que na Alemanha? Percebo que adores o One, mas olha que quem tem um Merc, não faz contas a escassos milhares de euros! :-Pzabvenie
</a>
(mailto:zabvenie@iol.pt)
De Anónimo a 17 de Fevereiro de 2005 às 11:01
Isso já é um problema da indústria automóvel. Os carros têm é que ir sendo gradualmente menos poluentes, até chegarmos a carros a hidrogénio ou coisa parecida. Mas não duvido que se as pessoas tivessem carros melhores, com mais sistemas de segurança, talvez pelo menos isso compensasse a sua incompetência como condutores.macacoraivoso
(http://odio.blogs.sapo.pt)
(mailto:macacoraivoso@sapo.pt)
De Anónimo a 16 de Fevereiro de 2005 às 21:57
Concordo contigo em absoluto no entanto... Um grande problema é que se abolirmos o IA iremos todos começar a comprar carros maiores e por isso mais, bastante mais poluentes. E isto não é nenhum tipo de ameaça vã.
E logo hoje que entrou em acção o protocolo de Kyoto...
Bem, talvez tivesses uma vantagem: com o aumento das águas do rio o cacilheiro podia chegar mais perto do teu local de trabalho...Dito Cujo
(http://ditocujo.weblog.com.pt/)
(mailto:ditocujo@gmail.com)

Comentar post