Quinta-feira, 11 de Novembro de 2004

Hasta la vista, baby!

Morreu Yasser Arafat. O blog do ódio antecipa-se à esmagadora maioria dos sites de notícias portugueses que ainda estão a pensar noutras idiotices, como cocaína nas escolas, como se cocaína nas escolas fosse uma novidade.

Yasser, cá ficamos para ver a bagunça que isto vai causar e entretanto, continuamos a odiar esses cães infiéis dos Israelitas, como tu gostarias de nos ver fazer.

Ah, mas não penses que não odiamos os comandos suicidas palestinianos também... seu maroto!
publicado por pedrocs às 07:52
link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De Anónimo a 16 de Novembro de 2004 às 16:51
Para o ZumZum:

Para que fique bem claro: O BLOG DO ÓDIO ESTÁ-SE A CAGAR PARA O QUE TU PENSAS!

PS- Achas isto ofensivo e despropositado?nmerdas
(http://odio.blogs.sapo.pt)
(mailto:nmerdas@sapo.pt)
De Anónimo a 14 de Novembro de 2004 às 22:32
Mas olha, uma coisa boa saiu do comentário do Zum Zum: já tenho epitáfio! Quando morrer, quero na minha lápide a inscrição "See you later, alligator!". // Bolas... até me vieram as lágrimas aos olhos.macacoraivoso
(http://odio.blogs.sapo.pt)
(mailto:macacoraivoso@sapo.pt)
De Anónimo a 14 de Novembro de 2004 às 14:31
odeio quem leva o blog a sério...a
</a>
(mailto:a@a.com)
De Anónimo a 13 de Novembro de 2004 às 16:21
que confusões na cabeça do tal zum zum! Israel nunca existiu! A Palestina nunca existiu! Arafat vem do tempo em que o mundo estava dividido entre os bons e os maus (os ocidentais e os da cortina de ferro, ou vice-versa). Continuar com este tipo de pensamento é apoiar Bush: os bons e os maus não existem!artur
</a>
(mailto:arturcs@netcabo.pt)
De Anónimo a 12 de Novembro de 2004 às 17:57
Em primeiro, o título desse post é ofensivo. É uma expressão despropositada, pirosa e que parece estar a gozar com a pessoa de Y.A. e com a causa da Palestina. Quando morreres, também diremos "see you later, aligator", a ver se gostas. Darias a vida por uma causa que te transcendesse? Em segundo, o nmerdas sugere uma votação...o que é também ofensivo, despropositado e simplista para uma questão que data de 1947, data da criação do Estado de Israel - estado que o próprio Arafat reconheceu, ao contrário dos Israelitas em relação ao estado da Palestina. Em 1947 a Faixa de Gaza foi anexada pelo Egipto, na altura de administração-tipo-colónia de um país Europeu. Portanto, a Europa do Pós-Guerra dividiu aquela parte do Mundo como lhe conveio, sendo que os Israelitas que regressaram da Diáspora são cada vez mais, o numero cresce todos os dias (vêm de sítios insuspeitos como os Balcãs ou a Rússia, já para não falar dos USA), sendo que o estado da Palestina está confinado a um Muro de segurança. Não poderemos acusar Y.A. de ter perdido oportunidades de chegar a um acordo definitivo com Israel, pois não só o estado da Palestina combatia, em menor recursos de força armada, as forças de Israel como também tinha de combater os USA. Todas as propostas que lhe foram oferecidas não estavam longe da rendição total.
Rendição nunca! Nunca irá ter paz o povo da Palestina, (e nós estamos, em face destes acontecimentos? - não, nós não estamos em pânico, queremos esquecer) a Palestina está à mercê da nação mais belicizada do mundo (EUA e seu aliado Israel) porque para estas duas nações a Guerra não é uma coisa que se possa terminar. Ela é contínua e apenas muda de localização.
Opressão para os EUA e Israel - já!
viva o povo da Palestina. viva Y.A.zum_zum
</a>
(mailto:zum_zum@clix.pt)
De Anónimo a 11 de Novembro de 2004 às 16:57
realmente não sei quem odeio mais... os terroristas Palestinianos ou os ocupadores Israelitas... Vamos a votos?nmerdas
(http://odio.blogs.sapo.pt)
(mailto:nmerdas@sapo.pt)

Comentar post